Projeto UniOwl

O projeto UniOwl foi criado para solucionar um problema clássico encontrado por estudantes no mundo inteiro: a busca por moradia de baixo custo. A missão do UniOwl (ou UniCoruja, como é conhecido no Brasil)  é conectar estudantes universitários com colegas de quarto compatíveis. A plataforma é gratuita e conecta pessoas com personalidades e estilos de vida similares, propiciando uma convivência harmoniosa.

A história da UniOwl começou durante um startup weekend, quando Sandro Schott, um dos fundadores, elaborou a ideia, cujo objetivo naquele tempo era ajudar alunos da USP a encontrarem moradia através de um websiteE foi num encontro do PUBTechSF que o projeto UniOwl saiu do papel!

O Vinícius Duncan e o Thiago Melo começaram o UniOwl na HSU (Humboldt State University), mas estavam procurando um mentor. Na reunião inaugural do PUBTechSF encontraram o Marcio Saito, e esta parceria/mentoria foi para eles uma oportunidade de aprender mais sobre tecnologia e a experiência de desenvolver um projeto nos moldes de uma ‘startup’. Além disso, foi por uma ponte do PUBTechSF que encontraram o Jonas de Castro, que virou parceiro do projeto e hoje o UniOwl ajuda universitários não só da HSU e UCSD, mas também está sendo usado por universitários brasileiros!

 

  • Vinícius Duncan cursa Engenharia Ambiental na IFF. Atualmente ele é bolsista do Ciência sem Fronteiras e estuda na Humboldt State University (HSU), em Arcata, CA.
  • Thiago Melo é estudante de física da USP, trabalhou por alguns anos no mercado financeiro, mas decidiu mudar o rumo de sua carreira e se tornou bolsista do programa Ciência sem Fronteiras. Ele também é estudante na HSU.
  • Sandro Schott é estudante de física na USP. Dedicou boa parte de sua graduação ao empreendedorismo – ajudou a fundar a empresa júnior de física e desenvolveu atividades relacionadas ao mercado de trabalho para físicos. Trabalhou também com ensino apresentando o Show de Física, projeto de divulgação cientifica para alunos do ensino médio e fundamental.
  • Jonas de Castro cursa engenharia química na UC San Diego (UCSD) e fundou o capítulo da Brazilian Student Association – BRASA – em UCSD, foi diretor-geral da 1ª BRASA National Conference e trabalha como Chief Communications Officer da BRASA Nacional.

 

Projeto Ciência na Escola

O projeto Ciência na Escola permite que alunos de escolas públicas brasileiras entrem em contato com pesquisadores altamente qualificados de instituições de ensino e pesquisa internacionais, para um bate-papo semanal sobre ciência. O contato é virtual através de video-conferência e os temas são escolhidos pelos alunos em colaboração com o(a) professor(a) responsável pela turma.

O(a) pesquisador(a) apresenta o tema e responde a perguntas e curiosidades. Além deste contato, os alunos também realizam experimentos supervisionados pelo(a) professor(a) da escola onde estudam. O programa cria um vínculo entre os alunos e pesquisadores(as) de outros países e ajuda a desmistificar e a humanizar a figura do cientista. Ao estimular a curiosidade e o pensamento científico, buscamos despertar nos alunos o interesse pelo conhecimento e desejo de inovação, aumentando as suas chances de sucesso e transformação social.

ciência na escola

Como surgiu

O projeto Ciência na Escola nasceu em uma das reuniões do PUB-SF, da busca por meios de se contribuir para um Brasil melhor. O projeto iniciou-se a partir do esforço do cientista Jair Siqueira-Neto, então na UCSF, que se conectou com uma escola pública em sua terra natal, Goiânia, para falar com os alunos sobre temas científicos que os alunos achavam interessantes, mas que muitas vezes não eram abordados no currículo. Graças à abertura da diretoria da escola e aos esforços das professoras Noelma Freitas de ciências e Verônica Emidio de informática, o projeto se tornou realidade e formou-se o primeiro grupo de alunos a participar do projeto Ciência na Escola.

O projeto foi destacado em matéria no jornal local Tribuna do Planalto e recebeu um prêmio na Mostra de Ciência do Estado de Goiás em 2014, mas foi depois que o Jair apresentou o projeto no pitch em impacto social na reunião do PUBTechSF que o efeito se multiplicou.  A apresentação fez com que a ideia encontrasse novos protagonistas – tanto pesquisadores brasileiros como outras escolas públicas em várias cidades do Brasil. Atualmente estamos desenvolvendo um programa piloto de expansão em uma escola no Rio de Janeiro e outros estão a caminho. Além disso, um grupo de estudantes da UCSD vinculados ao BRASA tem colaborado com a organização estrutural e administrativa do projeto.

Para quem se interessar no projeto, pode entrar em contato direto com o Jair: Jair.CienciaNaEscola@gmail.com

JairJair Siqueira-Neto é o mais jovem docente e principal investigador (PI) da Skaggs Faculdade de Farmácia e Ciências Farmacêuticas da UCSD. Biólogo graduado na UNICAMP, fez seu doutorado caracterizando proteínas associadas aos telômeros de Leishmania sob orientação da Dr. Maria Isabel Cano no programa de Genética e Biologia Molecular. Jair realizou o seu pós-doutorado no Institut Pasteur Korea (IPK), em Seoul , onde desenvolveu os primeiros ensaios em larga escala para teste de fármacos contra leishmaniose. Em 2013 se tornou diretor do Centro de Descobertas e Inovações para Doenças Parasitárias da UCSF, California, e em 2014 foi contratado como professor da UCSD. Ao se estabelecer em São Francisco, se juntou a outros brasileiros para fundar o Grupo de Pesquisadores Brasileiros da Bay Area, que finalmente evoluiu para ser hoje o PUBTechSF!

PUB no Pub

A reunião inaugural foi um grande sucesso, com mais de 80 participantes e muitas boas ideias combinadas com ação concreta!

Agora está na hora de marcar o seu calendário para a reunião do PUBTechSF em Stanford!

Primeiro teremos o PUB no Pub,  uma reunião informal, antecedendo o encontro geral, para saber mais sobre o PUB, encontrar a comunidade do PUBTechSF e/ou participar da organização de reuniões futuras.

Participe!

Quando? – 12 de Março 2015, 6.30 PM

Onde? – No Dutch Goose, 3567 Alameda De Las Pulgas, Menlo Park

Quer participar? – Responda o nosso RSVP para podermos reservar uma mesa para todos!

Em breve teremos mais notícias sobre o Encontro Geral, que ocorrerá em Abril em Stanford!